A troca dos sapatos

Troca dos sapatos – festa de debutante

O grande momento que lembra as histórias dos contos de fada, a hora de trocar o sapato.

Antes da valsa a debutante traja um sapato de salto pequeno ou até mesmo um tênis, e no momento que antecede a valsa, após a troca do traje, seus pais a presenteiam com um sapato de salto alto, representando assim uma mudança de vida que trará a partir de agora mais responsabilidades. E claro, simbolizando que ela deixou de ser uma menina para ser uma mulher.

15 Casais

O seleto grupo dos 15 casais.

A temática dos quinze casais entrando juntamente a debutante remete para os antigos bailes de gala do início do século XV, onde tudo começou. Os pais apresentavam suas filhas para a sociedade, a fim de ingressá-las na vida adulta. A adolescente tinha a oportunidade de participar de um baile, no qual ela dançava com uma série de rapazes a fim de encontrar um pretendente. Essa história é bastante retratada em filmes e livros até hoje e acabou se tornando uma tradição.

Por mais que a festa de debutante tenha sofrido algumas alterações com o tempo, esse ritual permanece nas festas atuais. A aniversariante escolhe familiares e amigos para compor esse seleto grupo afim de dançarem juntos a grande valsa e logo em seguida invadirem a pista para celebrarem o grande dia.

É bem verdade que a debutante tem a liberdade de seguir ou não as tradições, pois a proposta atual é que a celebração tenha a cara da jovem e seja da forma como ela sempre sonhou!

VALSA

O grande momento tão esperado da festa, é a hora da valsa. Ela marca o início da vida adulta. Um momento eternizado na mente de todos por trazer consigo encanto e muita emoção.


A valsa é uma das tradições mantidas da época em que os bailes eram realizados antigamente na Europa, sendo muito famosa até hoje. O ritmo que encanta e emociona gerações, hoje ainda permanece como um dos momentos mais especiais nas festas de 15 anos. Geralmente, a dança acontece com o pai da debutante e, em seguida, ele a presenteia com uma jóia, por exemplo.

Atualmente esse momento também marca a abertura da pista de dança, onde a debutante pode preparar uma coreografia a parte, tanto com as amigas quanto sozinha.

Algumas valsas famosas: Lago dos Cisnes, Valsa dos Patinadores, Valsa das Flores, entre outras.

As mais moderninhas, também podem inovar com diferentes estilos musicais, danças e brincadeiras, o que vale é se divertir nesse dia especial.

Debutante – História

O baile de debutantes teve origem na Europa Antiga, na metade do século XVI. Na época, as famílias mais nobres faziam um baile para apresentar suas filhas à sociedade no momento em que elas se tornavam mulheres.

A palavra debutante vem do francês “débutant” e significa iniciante ou estreante. Além disso, o baile de 15 anos simbolizava o ritual de passagem da infância para a vida adulta.
Oficialmente apresentada à sociedade, as garotas podiam usar roupas mais adultas, ir a reuniões e, até mesmo, namorar.

Um dos pontos altos do baile era quando a garota trocava de vestido, tirando um mais infantil e colocando um mais adulto, no momento em que ia dançar com seu pai. Em muitos países, esse é um costume que se mantém até hoje.

A tradição do baile de debutantes começou a ter mais visibilidade após a Revolução Francesa.

Atualmente, a festa de 15 anos já não é mais como antigamente e novas tendências surgiram tornando o evento mais compatível com o tempo e estilo de cada jovem.

Hoje em dia, as aniversariantes criam coreografias para dançar, as músicas mudaram completamente, assim como o ritmo da festa. Os vestidos podem ser trocados por fantasias ou máscaras. E a decoração também ficou mais contemporânea.

O mais importante é a celebração com os familiares e amigos.